Neguinho reafirma apoio a Ricardo e diz que administração de Dominguinhos não está tendo nada

29 março 2015

Vereador Neguinho da Lagoa, no Programa Agora é a Hora. Imagem/ Júnior Campos
Recebemos neste sábado (28), nos estúdios da Rádio Princesa FM, no Programa Agora é a Hora, que faço bancada com o radialista, Alberto Ribeiro, o vereador Ednacharles Serafim Siqueira, o popular Neguinho da Lagoa (PMDB), eleito no último pleito com 537 votos, pela coligação Paz, União e Progresso.
Neguinho esteve na base governista tucana; mas ligado ao ex-prefeito de Princesa Isabel-PB, Tiago Pereira, dirigente da sigla pemdebista, no município. Justificando insatisfação com o gestor do município, Dominguinhos (PSDB), o parlamentar declarou recentemente rompimento com a base governista, afrimando apoio a pré-candidatura de Ricardo Pereira (PcdoB), principal adversário dos tucanos. Confira a entrevista de Neguinho ao Programa Agora é a Hora.
Júnior Campos: Nas últimas edições do programa, nós havíamos cobrado sua presença nas primeiras sessões na Câmara de Vereadores e notado também que depois de seu rompimento com Dominguinhos, o senhor não teria sido mais visto ao lado de Ricardo, o que de fato aconteceu depois desse anuncio?
Neguinho: Eu faço um trabalho social, há bastante tempo! Inclusive de acompanhar o pessoal a João Pessoa e a outros centros. Eu tenho várias amizades e acabo ajudando estas pessoas quando se trata de cirurgia, que o nosso município não consegue realizar. E por coincidência, eu já em João Pessoa, na primeira reunião, com uma pessoa de lá da Macambira, que ontem foi que eu consegui a cirurgia dele, e quando eu retorno infelizmente naquele momento, não pude participar da reunião.
Quando eu retorno, recebi uma notícia, que o meu sogro estava muito doente, e em Fortaleza, e que precisaria fazer outra cirurgia, onde minha esposa muito desesperada, pediu para que fossemos visita-lo, e a cirurgia inclusive estava marcada para uma quinta-feira, inclusive no dia da reunião.
E quando houve a reunião na quinta-feira, que foi aquele tumulto, por conta do terreno de R$ 120 mil ali na Várzea, que eu fiquei sabendo que uma pessoa da Várzea disse,  que R$ 120 mil dava pra comprar os terrenos de lá quase tudo, né? Mas, tudo bem!
Mas eu reafirmo aqui meu posicionamento, e todos que me conhece sabe da minha história de vida, eu não sou de voltar atrás nas minhas decisões, antes de toma-las eu penso bem, penso muito!
Eu tomei a decisão de me afastar do prefeito, da administração de Dominguinhos, que eu considero que não tenha como dá uma reviravolta. Acho que não tem condições de...eu  não tinha condições de apoiá-lo com atrasos e tudo... isso que você já sabe que está acontecendo na administração de Dominguinhos.
Então...não compactuando com esse projeto, e não aceitando, veio o meu rompimento com o então prefeito Dominguinhos.
Alberto Ribeiro: O senhor teve uma atitude muito corajosa, não deixou para última hora. Não sou o dono da verdade! E como fica essa situação diante da presidência da sigla que o senhor faz parte?
Neguinho: Tiago assim como eu, quando nós formamos, quando era na campanha que o PMDB decidiu apoiar Dominguinhos, nós...eu pelo menos, e ele também. Eu acho que ele acredita até hoje, acreditava em Dominguinhos. Acreditava que ele poderia ser um bom prefeito, e tinha essa esperança de mudança, até porque experiência ele tem muita. Foi vinte anos parlamentar, né...experiência política; mas dá pra se ver que administrativa não está tendo nada!
Não tem experiência política administrativa. Política ele tem, administrativa não. Então, o que é que acontece. Ele eu acredito, antes de tomar essa minha decisão, conversei muito com Tiago para ele ver isso, ver aquilo, mas chegou ao um ponto...tentamos conversar tentamos ver, como iria ser.
O grupo que eu deixei, sabe que eu nunca pedi nada para mim. Eu sempre deixei claro nestes microfones. O povo já mim deu no dia da eleição, que votou em mim, eu já tenho o meu salário, e eu corro para o povo.
Ninguém vai dizer aqui que como parlamentar explorei alguém, isso nunca aconteceu! Eu conversei muito com Tiago, neste sentido e antes mesmo de anunciar o meu  rompimento, eu já tinha anunciado a  Tiago, a gente já  tinha conversado... então eu acredito que Tiago Pereira, ainda tenha esse sentimento que eu tinha antes de esperança, mas até quando  eu não sei.
Não sei até quando ele vai manter esse sentimento de esperança na administração Dominguinhos. Quando acabar esta esperança vamos ver o que vai acontecer.
O sentimento de insatisfação existe em toda população de Princesa Isabel. E eu acredito que lá no fundo, que Tiago está insatisfeito também, eu acredito! Eu presumo que ele esteja insatisfeito também. Mas, ai até ele tomar uma decisão, não é ele só!
Júnior Campos: Essa frustração dentro da base governista faz com quer a decisão seja sem volta?
Essa minha decisão minha é sem volta! Nunca digo não, mas neste momento, nessa legislatura é impossível o retorno a base aliada do governo do Prefeito. E outra coisa, se agente fosse falar motivos não foi um nem dois, talvez a gente chegasse ás 6h da tarde e não teria explanado todos os meus motivos.
Eu acredito no meu trabalho na Câmara, eu acredito social que faço com o meu povo, e eu acho assim que um político, quando o povo tira, quando o povo não quer mais. Então, eu sou candidato sim, vou trabalhar pra minha reeleição, e se assim o povo quiser farei se não...
Blog do César Silva via,Junior Campos - Notícias, Esportes, Entretenimento, Turismo, Lazer e Serviços

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial


 
Copyright © 2016. Blog do César Silva .
Design by Herdiansyah Hamzah. Published by César Silva.
Creative Commons License