Grupo de Cultura Abolição se apresenta na 3ª noite da Semana de Cultura de Princesa Isabel

22 março 2013

Considerada a terra da cultura com grandes artistas nas mais diversas modalidades, Princesa Isabel essa semana montou um palco para aplaudir esses artistas, que mesmo com tanta dificuldade e falta de incentivo maior, conseguem se organizar e manter as tradições vivas, como é o caso do Grupo Abolição. Fundado em 1975, por João Mandu Neto, o Grupo de Cultura Abolição é uma instituição pública de direito privado, com natureza e fins não lucrativos, duração ilimitada e que se tem caracterizado pelo resgate da cultura brasileira, especialmente a nordestina, buscando no folclore a fonte de inspiração. Os principais objetivos são divulgar e preservar as manifestações populares do município de Princesa Isabel e do estado da Paraíba, através da dança, teatro, artesanato, música e de atividades sociais para educar e integrar a comunidade, propagando valores e artistas locais. Sandro Mandú é hoje o comandante do Grupo, que continua firme na tentativa de "fazer" cultura, dando oportunidades à novos talentos. Na apresentação da terceira noite festiva da Semana Cultural, o Grupo Abolição foi um dos destaques apresentando o Reisado, que é uma festa popular pertencente a várias regiões brasileiras e que ocorre do período do natal até seis de janeiro (Dia de Reis).
 As roupas coloridas, com capas de cetim cobertas por vidrilhos, espelhos e outros badulaques são característica marcante. Os personagens representados são o Rei, a Rainha, o Mestre, o Contramestre, os Mateus, o Jaraguá, etc. Os passos variam de lugar para lugar e, no caso de Princesa (PB), a música forma uma linha coreográfica exclusiva e as letras contam a história da dança, dando, assim, aspecto singular.

Fonte:Blog da Sabrina Barbosa


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial


 
Copyright © 2016. Blog do César Silva .
Design by Herdiansyah Hamzah. Published by César Silva.
Creative Commons License